Tudo grátis…mas dá para ganhar dinheiro?

Acesso livre e irrestrito é o que deseja o consumidor de Internet. Tudo grátis… mas quem paga a conta?

Buscar uma página ou assunto no Google não tem custo para o usuário, mas como a empresa sobrevive? Com os links que são patrocinados.

O Facebook é gratuito e como eles mesmos afirmam “… e sempre será” mas a receita vem de publicidade.

A questão é definir o modelo de negócio para que alguns paguem a conta dos que utilizam gratuitamente.  Este modelo também é chamado de freemium.  É baseado em volume de acessos e publicidade. As receitas obtidas com os pagantes se dividido para cada visitante único (pagante ou não) é surpreendente. Vejam alguns exemplos segundo a Business Insider: Google (US$18,44), Yahoo (US$6), Microsoft (US$4,42), Facebook (US$3,09), Linkedin (US$ 2,48) e Twitter (US$0,62)

Muitos destes negócios começaram com uma idéia de interatividade ou solução de um problema e não como um modelo de negócio em si. Como eram idéias inovadoras pegaram no gosto popular e somente depois de um tempo os seus inventores pensaram em ganhar dinheiro com isso. Mas começar assim é para poucos, o ideal é pensar em um modelo de negócio junto com o negócio inovador.

Hoje existem várias startups que buscam investidores que viabilizem seus negócios.  Você tem uma idéia e não sabe como monetizar?  Comente aqui em nosso Blog.

Anúncios

Cenário 4: Escritório Virtual

Uma LAN House pode servir perfeitamente como escritório virtual de micro e pequenas empresas. Para isso, ela deve possuir uma espécie de certificação de segurança, além de espaços propícios para o trabalho, com computadores, impressoras, scanners, etc.

Um dia na “LAN House do Futuro”:

Alberto tem uma pequena empresa, onde o computador não tem conexão rápida à internet. Para pesquisar e imprimir uma certidão negativa que precisava, Alberto recorreu a uma LAN House perto da empresa. O atendente da LAN House mostrou o site e ensinou como fazer a pesquisa. Após encontrar e imprimir a certidão, Alberto aproveitou para buscar a 2a via de duas contas que precisava pagar. Foi quando o atendente sugeriu para o Alberto fazer o pagamento pela internet e, para eliminar qualquer preocupação, mostrou o selo “LAN House Segura”. Alberto aprendeu como fazer um pagamento de forma rápida e segura pela rede e voltou para sua empresa com todas as pendências resolvidas.

O que acontece hoje:

LAN Houses ajudam na declaração do Imposto de Renda

Várias LAN House já oferecem em seus computadores o programa para a declaração do Imposto de Renda, sendo uma opção rápida e barata aos contribuintes. Algumas inclusive fazem a declaração, cobrando para isso um valor ligeiramente maior do que a simples conexão.

Auxílio na tele-entrega

No Rio Grande do Sul, pizzarias que não possuem acesso à internet utilizam de serviços de LAN Houses para receber os pedidos dos clientes. Normalmente, o dono da LAN House recebe o pedido e repassa para a pizzaria efetuar a entrega.

Dê sua opinião: