Interiorização: amplo mercado disponível

Segundo a PNAD mais recente (2008), 35% das conexões à internet no Brasil são feitas em lan houses. Ocorre que este número surge a partir da média do país inteiro. No interior e em cidades menores, o potencial da lan house ainda é um nicho pronto para ser explorado pelos empreendedores.

Veja o caso das regiões Norte e Nordeste, por exemplo. Segundo dados levantados pelo Comitê Gestor de Internet (CGI.br), cerca de 70% (ou seja, o dobro da média nacional) das conexões surgem das lan houses. O CGI acredita que a participação das lan houses no mercado de acessos é ainda maior do que apontado pelo IBGE.

Esses números podem ser ainda melhores para empreendimentos no setor. Embora ainda não haja dados oficiais, sabe-se por amostragem que, ao mesmo tempo em que há mais lan houses nas cidades do que no interior, a dependência (e importância) delas é menor nos centros urbanos.

Em outras palavras, mais vale uma lan house numa cidade menos desenvolvida do que dez lan houses em uma cidade grande.

Anúncios